Início > Cinema e TV > [Crítica de Cinema] Repo Men

[Crítica de Cinema] Repo Men

13 de julho de 2010 Deixe um comentário Go to comments

O que aconteceria se alguém resolvesse misturar filmes como Blade Runner, Vanilla Sky e um pouco de Jogos Mortais? Eu diria que a resposta é Repo Men. Um filme bastante interessante com Jude Law, o vencedor do Oscar Forest Whitaker, a nossa brazuca Alice Braga e Liev Schreiber. O filme mostra um futuro caótico movido pelo caos, empresas poderosas e pela banalização da violência. Um futuro onde a ciência evoluiu ao ponto de conseguir repor órgãos humanos por órgãos artificiais, desde que se possa pagar por isso. E como lãs nos Estados Unidos quando se compra algo e não se paga, o bem é tomado do comprador, vale para casa, carro e também para os órgãos artificiais.
Os coletores como são chamados, são as pessoas responsáveis por encontrar as pessoas com implantes através de um tipo de scanner via código de barras portátil e de recuperar o órgão ali mesmo, abrir o pobre coitado onde estiver e remover o órgão a sangue frio, essas partes me lembraram Jogos Mortais…


Um belo dia o coletor Remy (Jude Law) sobre um acidente e se vê obrigado a usar um órgão artificial para poder viver, sendo que ele não consegue mais fazer o seu trabalho depois de passar para o lado das pessoas que dependem desses trecos artificiais para viver e ao mesmo tempo que não consegue pagar a mensalidade bastante absurda e logo ele estaria no lugar de suas vítimas. Nessa situação ele vira um foragido e seu melhor amigo e ex-colega de profissão Jake (Forest Whitaker) passa a persegui-lo. Para Jake “trabalho é trabalho” não importa quem seja o alvo.
Durante a fuga Remy conhece Beth (Alice Braga) que também é fugitiva da União, empresa responsável pelos órgãos artificiais e pelos coletores de órgãos. Durante a fuga eles decidem lutar juntos contra o sistema, contra a União. Mas onde entra a parte Vanilla Sky do filme? Bem… O final do filme pode parecer um pouco macabro para os “bonzinhos” do filme e sem dúvida é uma grande surpresa.
Enfim, não vou contar para não perder a graça, mas é surpreendente.
Não sei se ou quando ele vai passar nos cinemas aqui no Brasil, cheguei a ver o trailer desse filme à cerca de três meses atrás no próprio cinema mas depois nunca mais ouvi falar.

Nota: 8 de 5 – 10

Trailer:

Anúncios
Categorias:Cinema e TV
  1. Luiz Antônio
    12 de novembro de 2010 às 20:37

    A IDÉIA É BOA, MAS, COMO FALTA INTELIGÊNCIA AOS ROTEIRISTAS (MUITO FRACOS ULTIMAMENTE), EXAGERAM NO SANGUE E NA CRUELDADE. NO FINAL, A SENSAÇÃO É DE UMA TREMENDA PERDA DE TEMPO…. FILME PARA ESQUECER!

  2. Gabs
    19 de janeiro de 2011 às 16:24

    Parabéns pelo Blog!!!

    venancios.wordpress.com

  3. rezende
    4 de outubro de 2011 às 3:08

    O pior final de todos, meleca de filme, acabou com o filme,. cada diretor maluco.

  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: